PodCast: saiba tudo sobre essa tendência [2021]

Hoje em dia, estamos cada vez mais com a rotina acelerada, com muitas tarefas e pouco tempo para realizá-las. Quando pensamos no consumo de conteúdos, a história é a mesma. A quantidade que nos chega diariamente é muito grande e, na maioria das vezes, não temos tempo para consumir todos eles. Assim, uma excelente alternativa para isso é o Podcast.

Os podcasts vieram para nos auxiliar a aproveitar melhor o nosso tempo livre, além de aumentar a produtividade. Isso ocorre pela facilidade do seu acesso; apenas com um play você pode consumir o conteúdo em seu celular, computador, carro, entre outros meios, durante as suas atividades rotineiras.

No momento de pandemia em que vivemos, essa opção também é de grande valia para o entretenimento. Como passamos grande parte do tempo em casa, você pode escutar ou assistir episódios de podcast durante o home office, enquanto lava a louça, durante o banho e em outras tarefas.

Esse é o momento ideal para sua empresa também começar a produzir conteúdo. Mas, se você ainda não sabe como, fique tranquilo. Preparamos esse texto para te explicar tudo sobre essa nova tendência.

Ficou curioso? Então, continue a leitura e saiba mais!

O que é um PodCast?

O podcast é como um programa de rádio ou TV, mas seus conteúdos são sob medida e podem ser ouvidos ou vistos na hora e dia que você quiser. Com esse formato, você pode transmitir informação, entretenimento, educação, histórias e muito mais. Enfim, o que a sua criatividade quiser.

Antes, só conseguíamos ter acesso a esses conteúdos através dos sites de fornecedores, para baixar ou dar o play e escutar ou ver no computador, de forma manual. Porém, esse método não era o ideal para ouvir podcasts, já que era preciso que o internauta fosse até o website.

Mas, isso só aconteceu até o ano de 2004, quando um rapaz chamado Adam Curry revolucionou esse universo, criando uma forma automatizada para os conteúdos chegarem até os programas. Assim, ele desenvolveu os agregadores de podcasts, como funciona até os dias de hoje.

Como escutar os PodCasts?

Atualmente, o público acompanha todos os lançamentos de novos episódios diretamente de seu dispositivo móvel e computador, de maneira automatizada. Então, você pode escutá-los diretamente por aplicativos de celular (agregadores de podcasts) e também fazer o download para escutar ou assistir offline. Além desses apps, todas as principais plataformas de streaming da internet também possuem podcasts, como a Twitch, Deezer e Spotify.

Uma das principais vantagens desse programa, é a baixa transferência na largura de banda, que não consome tanto como os vídeos, por exemplo. Dessa forma, os consumidores podem ter mais economia com o uso de dados do seu smartphone.

A seguir, listamos alguns exemplos de agregadores dos podcasts:

  • Spotify;
  • YouTube;
  • WeCast;
  • Google Podcasts;
  • Stitcher Radio;
  • Entre outros.

Procure em sua loja de aplicativos por eles, e opte pela que achar melhor. Uma dúvida muito frequente entre o público é: como começar um projeto de podcast? Pensando nisso, vamos te ajudar agora, a planejar, gravar e editar o seu programa. Então, mãos à obra!

Como criar um podcast para minha empresa?

1 – Planejamento

Realizar um bom planejamento, é uma etapa essencial para ter sucesso em seu podcast. Aqui, é a hora de definir o objetivo que sua empresa deseja alcançar para fidelizar e encantar todos os ouvintes. Sendo assim, preste bastante atenção e cuidado quando for planejar.

Alguns pontos importantes para o planejamento são:

Público-alvo

A identificação do seu público-alvo é importante para definir o vocabulário que será utilizado. Dessa forma, é preciso falar com a linguagem que se enquadra com quem escutará seu podcast. Ela pode ser formal ou informal, complexa ou não, tudo depende dessa análise inicial.

Concorrentes

Procure sempre ter um diferencial em comparação com seus concorrentes. Conhecer o modelo da concorrência é sempre bom, mas procure, também, conhecer os programas de maior sucesso, independente do nicho. Porém, não ache que só aqueles modelos podem dar certo.

O ideal é o formato que agrade seu público e traga resultados positivos para seu negócio. Talvez, no começo seja difícil encontrar a melhor forma, então, teste até se encontrar.

Formato e Temas

Definir o formato e os temas do seu podcast é fundamental para o DNA do programa. Você precisa saber sobre o que vai falar e como. Pode ser uma entrevista, bate-papo, debate, educativo, entre outros. Mas, o principal disso tudo, é discorrer sobre algum assunto que você domina.

Conteúdo

Após definir o formato e os temas, você deve planejar o conteúdo dos episódios. Procure montar um checklist para cada um dos programas, assim, você não se esquecerá de nada durante a gravação.

Roteiro

Defina um roteiro como base para o assunto em específico do episódio. O melhor é quando a conversa flui naturalmente, porém, caso se perca, volte ao roteiro e continue como planejado.

Cenário

O cenário do seu podcast deve ser bem planejado. Procure encontrar elementos que chamem a atenção do público, mas, também, não muito enfeitado para não tirar o foco das pessoas e do conteúdo. Um bom cenário também colabora com a identidade do programa.

Convidados

Os convidados só têm a agregar ao podcast. Além de trazer mais conhecimento para você e todos os ouvintes, você pode captar mais pessoas através de compartilhamentos das redes sociais dos entrevistados.

Identidade

Ao decorrer do tempo, o podcast tem um grande poder de fidelizar os ouvintes. Você pode ficar mais próximo do público, já que estará sempre escutando sua voz e vendo sua imagem. Procure, então, explorar algumas características para melhorar a sua identidade, seja com brincadeiras, bordões etc.

Frequência

Manter uma boa frequência de episódios ajuda com o engajamento da sua audiência. Se possível, escolha dias específicos para realizar a transmissão. Toda quinta-feira, em determinado horário, você inicia seu programa, por exemplo.

Dessa forma, o público terá um compromisso com você. Além disso, não se esqueça de honrar com o compromisso, não falte nos podcasts marcados.

Call To Action

Para inserir um CTA (Call To Action) no podcast, é preciso saber o momento certo para convidar os ouvintes a realizar alguma ação. Faça testes e veja qual traz mais resultado; se o convite traz mais conversões no início, meio ou fim do programa.

Site

Quando os ouvintes se interessarem pela sua empresa, através das conversas e do CTA, é importante ter algum destino para recebê-los. Nesse caso, um site será seu grande amigo. Nele, o público vai poder encontrar tudo sobre seu negócio, produtos e/ou serviços.

Voz

A voz dos apresentadores precisa sempre estar em boas condições, afinal, o bate-papo pode durar por horas. Para isso, procure se hidratar ao longo do programa.

2 – Equipamentos

Agora, vamos te mostrar os equipamentos básicos para iniciar o seu podcast:

Microfone

Como o podcast é um conteúdo consumido através do áudio e vídeo, um microfone de qualidade é o primeiro equipamento que você precisa garantir. Ele é o responsável por fazer seu ouvinte receber a mensagem de maneira clara.

Se você não tiver muita verba para comprar microfones de ponta, comece com os mais simples e depois, vá melhorando a qualidade. Mas, opte pelos que possuem entrada P2 ou USB, para serem facilmente conectados em computadores.

Interface de Áudio

Uma interface de áudio é importante para que a qualidade do podcast fique boa. Faça a escolha pensando nas necessidades do projeto.

Você pode montar a interface no local da gravação, deixando-a em seu estúdio.

Software de gravação e edição

Ter um bom programa de gravação do podcast, é muito importante para te auxiliar. Além disso, tenha também, um bom programa para a edição. Com ele você pode explorar os cortes do episódio, e há muitos que são gratuitos e fáceis de usar.

Abaixo, separamos um exemplo de corte:

Câmeras

As câmeras ganharam muita força nos últimos anos e, quase todos os podcasts são gravados atualmente. Com eles, é possível disseminar seu conteúdo de outras formas como, por exemplo, um story ou reels no Instagram.

As câmeras precisam ter uma boa qualidade, já que transmitem as imagens do programa. Se atente, também, ao posicionamento delas, e procure enquadrar todos os participantes.

Dependendo da sua verba, é bom contar com mais de uma câmera, para ter outros ângulos durante o programa. Assim, é possível deixar o podcast mais dinâmico para o público.

3 – Gravação

Agora, chegou o momento iniciar as gravações. Todos os participantes precisam estar em um local confortável, por isso, procure por boas cadeiras. Se possível, invista, também, em um ar-condicionado para maior conforto.

Além disso, é preciso preparar o seu estúdio. Escolha um local silencioso e, de preferência, compre espumas acústicas para ajudar com a reverberação do som. Assim, a qualidade de áudio será excelente e ainda vai poupar trabalho dos editores com ruídos.

Você pode, também, fazer a transmissão ao vivo do programa. Isso vai depender de uma mesa de edição de vídeo, o que reduz bastante o trabalho de edição posteriormente. Sendo assim, invista, também, na iluminação do local para garantir que o público está vendo uma boa imagem.

4 – Edição

A edição é uma etapa fundamental para o podcast. Esse formato pode se adequar a muitas plataformas, então, é preciso editá-lo para ser disponibilizado no Spotify, por exemplo.

Todos os cortes também precisam ser editados a partir do arquivo bruto. Dessa forma, você pode explorar de muitas maneiras os episódios.

como-fazer-um-podcast

5 – Publicação

Com a transmissão do programa ao vivo, é possível compartilhá-lo no YouTube, Instagram, Facebook, Twitch, entre outros. Após o encerramento da live, você também pode publicá-lo nas plataformas de áudio.

Os mais conhecidos e utilizados são o SoundCloud e Spotify. Sendo assim, agora, vamos falar um pouco sobre cada um:

SoundCloud

Essa plataforma é completa e conta com ferramentas que permitem à audiência, interagir com comentários, seguir o perfil, assim como, as tradicionais redes sociais.

Para quem está no começo, essa opção é muito boa porque fornece um armazenamento gratuito de até 180 minutos de áudio. Com o passar desse tempo, você pode adicionar mais conteúdos se adquirir algum dos planos da plataforma.

Spotify

O Spotify está crescendo e se popularizando cada vez mais, especialmente para quem curte escutar músicas. Ele possui uma categoria para os podcasts, em que você pode encontrar uma grande variedade de programas.

Segundo dados da plataforma, no final de 2019, 14% da base de usuários já ouviram algum podcast da biblioteca do aplicativo. Além disso, você pode monetizar seu podcast através dos anúncios clicáveis.

Beatz Podcast

Aqui na Beatz, já estamos colocando essa ideia em prática. O Beatz Podcast é um canal dedicado a trazer conteúdos para os profissionais de marketing, empreendedores, gestores de negócios, de forma descontraída, leve, mas sem perder o foco, que é trazer mais conhecimento para quem já está na área ou busca aprimorar seus “K.P.I.”

Estamos com um canal no YouTube, ao vivo, todas as quintas-feiras, a partir das 18h30, sempre com um novo convidado. Além disso, também transmitimos pelo nosso Instagram e Facebook e, ao final, disponibilizamos no Spotify.

E aí, curtiu esse texto sobre podcasts? Então, para receber mais conteúdos como esse, não deixe de acompanhar nosso blog e assinar a nossa newsletter.

Obrigado pela leitura!

Posts relacionados

descubra-como-aumentar-seus-resultados-com-estratégias-de-marketing

Estratégias de Marketing: dicas para aumentar os seus resultados.

Descubra melhorar seus resultados utilizando estratégias de...
estratégias-de-marketing-digital-personas

Estratégias de Marketing Digital: 5 dicas para atrair sua persona

Descubra a melhor estratégia para atrair o cliente ideal para o seu...
saiba-como-organizar-seus-clientes-no-funil-de-vendas

Funil de vendas: organização para administrar seus clientes

Saiba como organizar os seus clientes no funil de...

Pronto para melhorar seu Marketing Digital? Então,
vamos bater um papo

Fale com um consultor
Vamos bater um papo sobre marketing digital?