Como utilizar a automação de marketing digital para melhorar o desempenho das campanhas e posts

Com as tecnologias certas, você pode facilitar processos e aumentar os resultados.

Contar com tecnologia para a automação de marketing digital é tornar seus resultados ainda melhores. Isso porque, esse é um meio eficiente de deixar os processos mais simples.

Ao colocar em prática uma campanha de marketing digital, muitas são as tarefas a serem cumpridas. No entanto, cuidar de tudo de maneira manual pode provocar falhas. Em especial, porque lidar com o público online é uma tarefa que tende a tomar várias direções.

Sendo assim, o melhor meio é a automação de marketing digital!

Além de diminuir a demanda manual, essa estratégia torna mais simples o trabalho, tratando os leads com mais agilidade, até a conversão.

Por isso, entenda como aplicar a automação à sua comunicação, com as dicas desse post. Prepare-se para grandes resultados e boa leitura!

O que é automação de marketing digital?

Antes de mais nada, é crucial entender que essa estratégia tem como foco a captação de leads qualificados, de forma automatizada.

Ou seja, usa-se uma série de softwares para:

  • Enviar e-mails marketing;
  • Ativar chatbots;
  • Agendar conteúdo nas redes sociais;
  • Entre outros.

Assim, é possível alinhar a automação ao Inbound Marketing, por exemplo. Com isso, a gestão dos leads e o avanço no funil de vendas.

Um ponto muito importante, entretanto, é analisar a importância dessa automação, para cada um dos canais utilizados. Bem como, munir o cliente com todas as informações necessárias, até a decisão da compra, de maneira automatizada.

O que a automação de marketing digital tem a ver com o CRM?

Apesar da possibilidade de combinação de ambos na mesma estratégia, a automação de marketing digital e o CRM não são a mesma coisa. Ainda assim, têm muito em comum.

  • A automação de marketing digital é o ato de atrair, converter e nutrir os leads com conteúdos relevantes;
  • O CRM é quem faz as métricas e a gestão desse leads. Assim, ele organiza, registra e acompanha as interações, a fim de aprimorar a relação entre marca e cliente.

Existem, inclusive, muitas ferramentas de automação que trazem o CRM integrado, para tornar mais fácil a qualificação do relacionamento.

Quais as vantagens de investir em automação?

Leads mais baratos

As ferramentas utilizadas para automatizar os processos de venda são capazes de aumentar as vendas. Isso porque, como já citamos acima, elas são usadas para manter os clientes interessados no seu produto ou serviço.

Por isso, quando a retenção de leads acontece dessa forma, os custos de atração de cliente se tornam muito baixos.

Mantém o cliente informado e o convence sobre a compra

Com o disparo automático de conteúdo e informações sobre seus produtos, é normal que os clientes se mantenham interessados.

Em uma situação hipotética, vamos pensar em alguém que tem interesse no produto, mas está com outras prioridades financeiras.

Essa pessoa tem intenção de compra. Porém, não a fará de imediato. Mantendo o contato, com conteúdos relevantes, no entanto, ela permanecerá interessada e fará essa compra tão logo quanto possível.

Maior eficiência para o funil de vendas

Uma vez que essa estratégia deixa os custos muito baixos para os leads, ela também nutre esses leads com a mesma vantagem.

Ou seja, com a adoção da automação de marketing, se faz a gestão dos leads de forma rápida. Sendo por resposta ou pela abordagem que impulsiona sua evolução.

Tudo isso, no entanto, é feito no momento exato. Assim, a equipe tem mais autonomia e o funil acontece, sem grandes trabalhos manuais.

Com isso, vende-se muito mais, com ferramentas capazes de administrar tudo de forma fácil e prática.

Redução de falhas com a automação de marketing

Mesmo com as possíveis falhas tecnológicas e com a necessidade de acompanhamento, a automação de marketing reduz o risco de algum lead não evoluir.

Isso porque, quando o funil é feito manualmente, há a possibilidade de esquecer um e-mail ou não fazer a gestão da evolução do mesmo.

Com essa estratégia, contudo, os e-mails ficam programados. Além disso, os leads seguem pelo funil, de acordo com o plano de gatilhos configurados.

Ou seja, a possibilidade de as máquinas e softwares errarem são mínimas.

Monitoramento do funil de vendas

Por ser uma estratégia composta por diversas ferramentas, é possível manter o monitoramento. Assim, é possível medir as taxas de e-mails abertos pelos leads, até mesmo a evolução de uma etapa para a outra.

Assim, é possível identificar as falhas e ajustar, otimizar e criar soluções para a melhoria desse processo.

Tickets médios mais altos em ciclos de vendas mais curtos

A principal estratégia do funil de vendas é amadurecer os leads. Assim, os vendedores contatam apenas aqueles que já estão prontos para fazer a compra.

Com esse caminho mais curto entre o primeiro contato e a compra, o lead ainda apresenta outro fator. Ele está disposto a adquirir as soluções da empresa, de acordo com toda a comunicação que recebeu nesse tempo.

Isso significa, no entanto, que a automatização de marketing estreita a relação entre empresa e cliente, para que esse negócio seja fechado com maturidade e prazo menor.

Três ferramentas para investir na automação de marketing

Com a infinidade de ferramentas disponíveis no mercado, vamos sugerir três muito interessantes e eficientes:

01. RD Station Marketing

A líder em softwares de automação de marketing no país, foi desenvolvida pela Resultados Digitais.

Ela é apresentada em português e repleta de benefícios, pois:

  • permite realizar disparo de e-mails marketing;
  • otimiza os conteúdos para os motores de busca (SEO);
  • faz a gestão das mídias sociais;
  • cria e automatiza as ações das landing pages;
  • acompanha as ações dos usuários com lead tracking;
  • entre outros benefícios.

Para tanto, a ferramenta tem o seu próprio CRM integrado e oferece os planos de contratação, a partir de R$59 mensais. Dessa forma, é possível adquirir o pacote, de acordo com as demandas do seu negócio.

02. MailChimp

Essa ferramenta, que surgiu para atender pequenas empresas, como ferramenta de e-mail marketing, se aprimorou e hoje, oferece:

  • Landing pages e formulários de cadastro;
  • Segmentação de base;
  • Editor de imagens;
  • Criação dos públicos semelhantes/lookalike;
  • Acompanhamento da jornada de compras;
  • Testes A/B;
  • Integração;
  • Pesquisas e relatórios;
  • Ferramenta de CRM.

O MailChimp tem plano gratuito, para a gestão de até 2000 contatos e ações limitadas. Ou, pacotes mensais a partir de R$55.

03. Mautic

Com seu código aberto, a Mautic permite àqueles que tem habilidades de programação, mais facilidade na gestão dos leads.

Assim, porque de acordo com os conhecimentos dos programadores, no entanto, há a oportunidade de incluir plugins e ferramentas extras. Mas, nas configurações padrão, você encontrará a geração e a nutrição de leads, criação de landing pages e campanhas de automação, bem como, o monitoramento das mídias sociais.

E aí, vai aplicar a estratégia de automação de marketing para a sua empresa? Entenda, também, a importância de se desenvolver o Inbound Marketing, em nosso blog.

Esperamos que esse conteúdo tenha sido útil a você.

Posts relacionados

como-usar-o-data-drive-marketing

Como o Data Driven Marketing pode gerar leads mais qualificados

Entenda como essa estratégia vai potencializar seus...
marketing-empresarial

Marketing Empresarial: saiba como fazer e aumentar o fluxo de leads

Você sabe como o Marketing Empresarial pode te ajudar a aumentar o número de leads? Acompanhe a leitura e descubra tudo agora...
marketing-social

Marketing Social: saiba como ele pode trazer mais valor para sua marca

Entenda como o Marketing Social pode agregar valor em sua empresa com algumas...

Pronto para melhorar seu Marketing Digital? Então,
vamos bater um papo

Fale com um consultor
Vamos bater um papo sobre marketing digital?